LIMPEZA CAIXAS D'ÁGUA
‘’Com uma experiência acumulada, a EXPANSÃO DEDETIZADORA oferece aos seus clientes soluções no controle de pragas, através de um diagnóstico detalhado do ambiente, planejamento personalizado, monitoramento constante, assistência técnica permanente, além de palestras educativas.’’
A limpeza e desinfecção da caixa d’água deve se dar de no mínimo de seis em seis meses, apesar da água receber tratamentos e outros cuidados nas estações de tratamento de água, algumas partículas mínimas de resíduos acabam chegando e se alojando no seu interior, com isso ocasiona gostos e cheiros estranhos na água, as paredes da caixa d’água tendem a formar limos com a água reservada, caso a limpeza não seja executada no período correto poderá ocorrer contaminação da água e por sua vez provocar doenças como micoses, verminoses, alergia entre outros, é muito comum serem encontrados organismos e insetos vivos e mortos em caixas reservatórios de água mesmo estando tampadas, isso ocorre devido a pequenas frestas onde o inseto ainda jovem acaba por ter acesso e termina seu ciclo dentro do reservatório, é muito importante a desinfecção após a limpeza porem deve se observar que a água com o cloro adicionado deve ser liberada apenas para a desinfecção da tubulação e nunca para consumo humano, o mecanismo da ação de desinfecção consiste no efeito de reação enzimática no interior da célula do ácido nucléico, o cloro ativo liberado que age sobre as proteínas formando assim cloraminas que são dissolvidas na água, aconselha-se a execução por profissionais os quais iram efetuar o recolhimento de amostra da água para análise química, utilizar materiais químicos em quantidade certa, equipamento adequado de acordo com a necessidade do serviço, equipamentos de proteção individual (EPI) e emissão de laudo e relatório fotográfico.